Verdades e Mitos Sobre o Câncer de Próstata

Verdades e Mitos Sobre o Câncer de Próstata
4.9 (97.01%) 107 votes

O câncer de próstata é uma das doenças que afetam muitos homens, e, devido à falta de incentivo tanto do sistema de saúde quanto do histórico social em relação à prevenção e aos procedimentos de diagnóstico, ocasiona uma série de problemas tanto na vida sexual quanto na própria autoimagem dos homens.

Entender as verdades e mitos sobre o câncer de próstata é essencial para que os homens possam compreender de melhor forma quais são as variáveis que influenciam na doença, bem como os métodos mais utilizados e indicados para que eles possam se manter saudáveis e protegidos ao longo da vida.

Descubra como controlar a ejaculação precoce

O diagnóstico também apresenta um papel extremamente importante, e, felizmente, é possível realizar a manutenção e gerenciamento da saúde masculina com facilidade por meio dos órgãos públicos de saúde. Por isso, fique atento! O preconceito e os mitos podem ser muito prejudiciais ao bem estar masculino.

Câncer de Próstata

Conheça as verdades e mitos sobre o câncer de próstata

Justamente pela falta de informação e de contato que os homens geralmente têm com o assunto, a doença passa a ser considerada um tabu, e envolve uma série de mitos que vão sendo carregados de geração para geração, impedindo, inclusive, o tratamento correto. Conheça alguns deles.

Disfunção erétil tratamento natural

1 – Minha vida sexual terá um fim com o diagnóstico?

Não necessariamente. Em alguns casos, dado que o tratamento é realizado de diferentes formas e sempre depende da extensão pela qual a doença afeta o organismo, as fibras que ficam ao redor da próstata e são responsáveis por controlar os processos de ereção podem sofrer algum tipo de dano.

Isso tudo irá depender do local onde o tumor estiver, bem como o tamanho e a necessidade de tratamento, bem como da faixa etária do paciente que for diagnosticado e se o mesmo já possuía algum tipo de disfunção erétil previamente ao tratamento.

2 – Mais sexo traz maior risco de câncer?

Não. Existem estudos acadêmicos que relatam que os homens que obtiveram maiores quantidades de ejaculações, bem como a maior frequência das mesmas ao longo da vida, tinham, de fato, riscos muito menores de desenvolverem a doença. Portanto, o simples fato da ejaculação não tem relação associada ao câncer de próstata.

Como evitar ejaculação precoce

3 – Somente homens na terceira idade sofrem de câncer de próstata?

Os índices relacionados à incidência do câncer de próstata relatam que a maioria dos casos se concentram nos pacientes que tem idade mais avançada, mas é de suma importância que os homens de todas as idades possam sempre realizar a prevenção e a manutenção de sua saúde de forma a obter um diagnóstico correto no caso da ocorrência da doença.

Câncer de Próstata

4 – O histórico familiar determina a possibilidade de ocorrência?

A estatística aponta que um sexto dos homens desenvolve câncer de próstata, portanto, apesar do fato de que a incidência na família pode, de fato, dobrar as chances de que um homem possa desenvolver a doença, não é um fator determinante para a mesma, portanto, a necessidade de manutenção e prevenção por meio de consultas regulares se faz sempre presente.

5 – Não tenho sintomas – portanto, não tenho câncer?

Um dos maiores mitos associados ao câncer de próstata é o fato de que ele é uma das doenças que não ocorrem sem apresentar sintomas. Esse tipo de câncer é, de fato, um dos mais assintomáticos que afetam o organismo do homem, portanto, é preciso estar ciente de que o gerenciamento da saúde precisa ser realizado independentemente de qualquer apresentação de sintomas.

Muitas vezes, os sintomas mais comuns a darem os primeiros sinais de que algo está errado são o ardor ao urinar, a dificuldade de obter uma ereção, a dor na hora de ejacular, bem como o sangue na urina ou no sêmen, mas na maior parte dos casos a doença é apenas diagnosticada em exames laboratoriais.

Confira aqui mais artigos como esse

sem resposta

  1. Pedro Vasconcelos de Mello 25/04/2018

Deixe seu Comentário