Câncer de testículo

Câncer de testículo
5 (100%) 29 votes

Sofrer com câncer de testículo não é algo que vai acontecer com todos os homens, e nem com a maioria, mas é uma realidade que acomete alguns e precisa ser falada e discutida abertamente.

Afinal, vemos que é muito comum que os indivíduos do sexo masculino evitem se cuidar e não se preocupem tanto com a saúde quanto deveriam, e isso pode trazer consequências graves.

Entenda o que é e como tratar a impotência psicológica

Sendo assim, é importante debatermos esse tema abertamente para poder entender os sintomas, buscar o diagnóstico e a partir daí ter tratamento! É por isso que o tema desse artigo será câncer de testículo! Vem conferir!

Câncer de testículo

O câncer de testículo é comum?

Não. Na verdade ele é mais raro que outros tipos de câncer que só podem acometer os homens, como o câncer de próstata, por exemplo! A grande questão é que ele normalmente atinge pacientes mais novos, em idade produtiva, e isso é o que mais preocupa com relação a sua incidência!

Vasectomia causa impotência sexual? Saiba aqui

Ele é mais preocupante que o câncer de próstata?

Não. Primeiro porque não acontece sempre (só 5% dos homens sofrerão com esse tipo de câncer) e depois porque ele atinge pacientes mais jovens, como comentamos anteriormente, então eles costumam resistir melhor às consequências do câncer de testículo e também ao seu tratamento!

Sintomas

Uma série de sintomas são observados nos homens que desenvolvem câncer de testículo, mas eles normalmente ignoram os sinais justamente por não o conhecerem! Vamos listar alguns, para que você fique atento:

  • Aparecimento de nódulo duro na região dos testículos, normalmente indolor;
  • Aumento inesperado no tamanho dos testículos;
  • Dor incompreensível na parte inferior do abdômen;
  • Urina com sangue;
  • Sensibilidade maior nos mamilos;

Quando um homem perceber que está sofrendo com um ou com alguns desses sintomas é hora de parar tudo e procurar um médico! Pode não ser nada, de fato, mas pode ser um tumor surgindo e obviamente com um diagnóstico precoce as chances de cura são muito maiores!

Mitos sobre impotência sexual (disfunção erétil)

Quais são os fatores de risco envolvidos?

Obviamente existem vários fatores de risco envolvidos quando se trata de câncer, e nesse não seria diferente. A grande questão é que a maioria dos homens desconhece o que pode favorecer o surgimento desse tipo de tumor, e se é esse o seu caso está na hora de descobrir! Veja a seguiir os principais:

  • Hereditariedade, ou seja, alguém da família ter esse tumor, ou já ter tido algum dia;
  • Lesões e traumas na bolsa escrotal, comuns no caso de acidentes e até mesmo na prática de determinados esportes sem a devida proteção;
  • A criptorquidia, ou seja, quando o testículo não desce adequadamente para a bolsa escrotal, condição que é bem comum;

Como preveni?

O câncer de testítculo pode ser prevenido? Pode! No caso, talvez não prevenido, mas diagnosticado previamente e com isso abrir a possibilidade para um tratamento muito mais ligeiro e funcional!

Para que isso ocorra seria necessário que os homens fizessem sempre um auto-exame, o mesmo que é recomendado para as mulheres no caso dos seios! Isso ajudaria a evitar que um nódulo pequeno fosse crescendo sem a devida atenção do paciente e acabasse se tornando um problema de difícil reversão!

Câncer de testículo

Como funciona o tratamento?

Com a remoção do tumor e em caso dele ser maligno com a remoção do testículo afetado. Isso não prejudica a fertilidade ou a vida sexual do homem! No mais, pode ser feita quimioterapia ou radioterapia, ou apenas acompanhamento clínico! Vai depender do que disser o médico!

Como você pode ver o câncer de testículo é uma realidade que pode acometer um homem qualquer, mas pode ser prevenida, diagnosticada precocemente e com isso ser curada! Se cuide então, e esteja sempre atento ao seu corpo!

Confira aqui mais artigos como esse

Deixe seu Comentário