Falta de desejo sexual

Falta de desejo sexual
5 (100%) 1 vote

A baixa libido é o termo usado para descrever a falta de desejo sexual. O desejo sexual – ou libido, é produzido por uma combinação de fatores biológicos, pessoais e relacionais.

O desejo sexual é diferente para cada pessoa e pode mudar ao longo do tempo, dependendo do que está acontecendo em sua vida. A baixa libido pode não ser vista como um problema para alguns.

No entanto, se um homem ou uma mulher perde o interesse em fazer sexo sem motivo aparente, preocupar-se é uma boa ideia e falar com um médico pode ser útil. Saiba mais sobre a falta de desejo sexual.

Falta de desejo sexual

O que causa a falta de desejo sexual?

A baixa libido pode ser causada por condições médicas ou psiquiátricas agudas (de curto prazo) ou crônicas (a longo prazo), particularmente a depressão. Homens com níveis baixos de testosterona (deficiência de andrógenos), por exemplo, podem ter problemas com baixa libido.

Os medicamentos prescritos, como antidepressivos e medicamentos para a pressão arterial, bem como o uso frequente de álcool podem causar a falta de desejo sexual. Outros fatores que podem afetar a libido incluem:

  • Estresse ou cansaço advindos de trabalho;
  • Muito pouco ou muito exercício;
  • Sentimentos de insatisfação com o relacionamento.

Muitas vezes, é difícil separar o quanto do interesse sexual é afetado por fatores biológicos ou psicológicos, especialmente quando você está cercado de problemas crônicos como doenças, dor crônica ou fadiga.

Impotência masculina psicológica

Tratamento

Se estiver preocupado com a mudança do ritmo na sua vida sexual, tente seguir alguns dos seguintes passos para amenizar a situação. Caso não seja o suficiente, invista em consultar um profissional para resolver sua falta de desejo sexual.

– Identifique a mudança. Conheça o suficiente para analisar o seu nível de desejo sexual no passado, a imagem que você tem de si mesmo, a tensão dentro do relacionamento, o seu humor ou até mesmo o início de uma dor física.

– Pergunte-se se essas mudanças são ou não realmente preocupantes. Se sim, pergunte se você está ou não disposto a falar com alguém sobre isso. Pergunte a si mesmo também quem seria a pessoa mais apropriada para isso.

Dicas para melhorar a vida sexual depois dos 40

Pode ser o seu parceiro, um amigo confiável, seu médico, uma enfermeira ou um profissional especializado em saúde sexual. Buscar um terapeuta também pode ser uma excelente ideia! Analise também se os seguintes sintomas estão frequentemente presentes em sua rotina sexual:

  • Dor: Antes do sexo, tente reduzir a dor ao tomar um banho morno ou fazer alguns exercícios de alongamento leves.
  • Fadiga: planeje o sexo ao estimular as atividades do seu dia para que você esteja bem descansado.
  • Depressão: as pessoas deprimidas tendem a não se enxergarem de forma sexy, e isso pode reduzir o desejo de intimidade física. A medicação antidepressiva também pode reduzir o interesse e / ou a capacidade de obter e manter uma ereção.

– Se isso for um problema sério para você, fale com seu médico sobre como alterar a dose de sua medicação. O seu médico também pode considerar a adição de outros medicamentos que aumentam o fluxo sanguíneo em direção ao pênis.

desejo sexual

  • Relutância para discutir o sexo com seu parceiro: seu relacionamento provavelmente será prejudicado se a diminuição da atividade sexual for acompanhada por uma relutância em discutir possíveis mudanças.

Conheça aqui o tratamento para ejaculação precoce

– Seu parceiro pode assumir sua atitude como uma rejeição pessoal. Falar com seu parceiro sobre seus desejos, prazeres e medos em relação ao sexo pode realmente ajudar a reduzir a tensão.

Conhecendo as dicas e comportamentos ideais para ajudar a sua falta de desejo sexual a ser trabalhada pode mudar completamente o rumo de sua relação e até mesmo a forma como você vê a si mesmo! Aposte nelas!

Confira aqui mais artigos como esse

Deixe seu Comentário