Tudo sobre a andropausa

Tudo sobre a andropausa
4.9 (98.95%) 19 votes

O termo andropausa apareceu pela primeira vez na literatura médica no início da década de 1950 e é comumente definido como o declínio natural dos níveis hormonais masculinos, principalmente a testosterona, que pode começar em torno de seus 30 anos. Saiba tudo sobre a andropausa.

Os níveis de testosterona podem ser um dos indicadores mais importantes da saúde em homens. Sua produção aumenta rapidamente no início da puberdade – com a maioria da testosterona produzida pelos testículos e uma quantidade muito menor pelas glândulas adrenais.

Tudo sobre Testosterona

Em níveis corretos, a testosterona fornece o alicerce para energia e resistência juvenil, bem como virilidade abundante, o aumento da massa óssea e um corpo naturalmente enxuto.

Mas, à medida que os níveis de testosterona diminuem, as coisas podem mudar – aparentemente durante a noite: o cabelo cai, os níveis de energia diminuem, os músculos parecem se transformar em gordura, a “barriga de cerveja” aparece e as ereções podem se tornar problemáticas.

Tudo sobre a andropausa

Saiba tudo sobre a andropausa

Um estudo de 2004 ajudou a confirmar o que, há muitos anos, foi apenas uma teoria: a baixa testosterona está ligada ao excesso de gordura corporal, especificamente a gordura visceral que envolve os órgãos abdominais.

Neste estudo, os pesquisadores descobriram que homens com uma grande circunferência de gordura na cintura tinham uma testosterona 30 por cento menor do que os homens com circunferências de gordura na cintura menores.

Disfunção erétil qual médico procurar

Aqui, é onde um círculo vicioso entra em jogo. O aumento da gordura da barriga significa um aumento de uma enzima chamada aromatase, que converte a testosterona em estrogênio.

O aumento do estrogênio, por sua vez, inibe a produção de testosterona natural, que então reduz a massa muscular, diminui a libido, aumenta a disfunção erétil, aumenta as mudanças de humor, chegando até a causar depressão e pode levar a problemas de próstata. É importante saber tudo sobre a andropausa para evitar que isso aconteça.

Estou vivenciando a andropausa?

Enquanto os testes de sangue e de saliva são maneiras muito precisas de determinar os níveis de testosterona (sendo que o que é medido é a testosterona “livre”), o questionário DAI (deficiência de androgênio em idosos) desenvolvido por John Morley na St. Louis University School of Medicine é um ferramenta de autocrítica para homens que ajuda a identificar sintomas de baixa testosterona.

Problemas de Ereção com o parceiro

Ao serem confrontados com determinadas perguntas de quem sabe tudo sobre a andropausa, os homens são convidados a escolher a resposta que melhor descreve a forma como se sentem. Aqui estão as 10 perguntas:

  • Você percebeu uma diminuição na libido (desejo sexual)?
  • Você sente falta de energia constante?
  • Você percebeu uma diminuição em sua força e / ou resistência?
  • Você perdeu se sente menor?
  • Você notou uma diminuição na forma de apreciar a vida”?
  • Você está triste e / ou mal-humorado?
  • Suas ereções são menos firmes?
  • Você notou uma deterioração na sua capacidade de praticar esportes?
  • Você sente muito sono após comer?
  • Houve uma recente deterioração no desempenho do seu trabalho?

Tudo sobre a andropausa

Os níveis baixos de testosterona podem ser indicados com a resposta “sim” para as perguntas # 1 ou # 7, ou pelo menos três das outras questões. As seguintes formas naturais comprovadas são indicadas para os homens recuperarem sua saúde e reduzir os efeitos da andropausa à medida que envelhecem:

  • Além de saber tudo sobre a andropausa, é importante manter ativa a massa muscular através do treinamento de resistência regular com pesos – uma das melhores maneiras de aumentar a testosterona livre;
  • A ingestão de proteína de qualidade proveniente de fontes orgânicas de frango magro, peru, peixe. Se você for vegetariano, tente ingerir bastante proteína de soro de alfa-lactalbumina a cada dia, especialmente após o exercício físico.

Sabendo tudo sobre a andropausa, você se torna capaz de identificar determinados sintomas no seu corpo e prevenir situações desconfortáveis em seu dia a dia a partir da obtenção de novos hábitos.

Confira aqui mais artigos como esse

Deixe seu Comentário